Quer saber mais?

Mobilidade perto do normal

A primeira etapa de desconfinamento gerou um aumento da circulação, permitindo atingir níveis de mobilidade quase iguais aos existentes antes de Covid.
O Estudo de Mobilidade da PSE prev√™ que nesta semana, Portugal ter√° um √≠ndice de mobilidade de cerca de 85% da ‚Äúnormalidade‚ÄĚ pr√©-pandemia, isto √©, Portugal est√° a 15% de atingir os n√≠veis de mobilidade normais antes de existir a pandemia.
Uma das medidas de confinamento que mais influenciou a mobilidade nacional foi o fecho das escolas. Esta medida trouxe consigo uma redução da mobilidade de quase 40%.
Agora, com parte das medidas de desconfinamento já em vigor, a mobilidade tem vindo a aumentar gradualmente, tendo chegado a um valor médio de 83%, na semana passada.

Comparando este lockdown com o do ano passado, podemos afirmar que este segundo confinamento teve muito mais pessoas em circula√ß√£o nos dias √ļteis, cerca 53% de mobilidade, contra os 40% de mobilidade existentes no primeiro confinamento.

Antes da pandemia tínhamos 75% de população a circular e 25% que já confinava naturalmente. Em janeiro deste ano, estes valores de mobilidade rondavam os 68% e, agora, neste primeiro momento de desconfinamento já temos 60,1% em circulação, praticamente o mesmo valor verificado antes do confinamento.

Apesar dos cuidados que têm de continuar a existir no nosso dia-a-dia, a verdade é que as rotinas estão a voltar ao normal gradualmente mas a um ritmo mais rápido que o primeiro confinamento.

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e fique a par das novidades.