Quer saber mais?

Entre em contacto

A Importância

  • Apesar de o meio OOH(Out-Of-Home)/ publicidade de exterior ser o 3º mais importante a nível de investimento por parte dos anunciantes, o novo estudo de audiências vem trazer dados concretos que dão uma confiança extra para investir neste canal de comunicação.
  • Atualmente, o estudo português para além de analisar as métricas comuns, já presentes em outros meios, como cobertura, frequência, GRP’s e CPM, vai mais além e faz uma análise constante e diária, sendo por isso a apresentação de resultados a mais atual, tornando assim, este estudo de audiências um dos mais completos e avançados do mundo.
  • Todos estes elementos são peças chave na conceptualização de uma campanha e, quando bem geridos, podem garantir elevados níveis de ROI para os anunciantes, que agora poderão tomar as suas decisões de forma ainda mais fundamentada e segura.

O Estudo

  • A MOP e restantes operadores de OOH(Out-Of-Home)/ publicidade de exterior uniram esforços para trazer as audiências ao meio. O estudo de audiências, desenvolvido pela PSE, só é possível graças a uma amostra de 2500 membros, que representam a população com 15 e mais anos do Universo em estudo. Este painel de 2500 indivíduos instalou uma APP nos seus telemóveis que monitoriza a sua posição geográfica em cada momento, 24 horas por dia, 7 dias por semana, bem como dá informação de perfil e de meio de transporte. Naturalmente que todas estas questões seguem as normais legais do RGPD.
  • Este estudo vai para lá de calcular e caracterizar o tráfego. Para calcular a audiência da publicidade de OOH foi preciso auditar todas as posições publicitárias e calcular a sua área real de visibilidade, uma a uma. Posteriormente, é aplicado o algoritmo de visibilidade ROUTE©, que separa quem passa (OTC), de quem realmente olha para o formato publicitário (VAC) e que ainda garante a compatibilidade da informação de Portugal com outros países. O estudo de audiências da PSE é dos mais avançados e segue as orientações da ESOMAR e da CAEM.

Valor Confirmado

  • O estudo de audiências vem trazer uma confiança extra para investir no OOH(Out-Of-Home)/ publicidade de exterior e, sobretudo na MOP, uma vez que reconhece a marca como um top player do mercado, com 34% de quota de mercado vs os 66% dos nossos 6 concorrentes. Se antes da pandemia, o Outdoor era, a seguir ao digital, o meio mais investido e o que apresentava os maiores níveis de crescimento, agora que também conseguimos quantificar o seu valor real e o ROI que as marcas podem ter ao recorrer à publicidade de exterior, os argumentos são todos a favor da priorização do meio.
  • O Out-Of-Home é, simultaneamente, dos meios com maiores níveis de cobertura/alcance, conseguindo a MOP obter níveis de 80%, e dos que tem o custo mais baixo, podendo um formato da MOP ter um CPM 70% mais baixo que uma campanha de Facebook que, em 2020 rondava, em média os 80 cêntimos (statista 2020). Para além disto, ainda se podia tentar argumentar a dificuldade de targetizar a comunicação de exterior, mas, a verdade, é que as audiências também vão fornecer esses dados com um elevado nível de rigor. Agora, será possível pensar uma campanha de OOH tendo um público alvo específico, segmentando por género, idade, classe, pontos de interesse, entre outros.
TOMI Lisboa

Reports TOMI

As redes dos formatos TOMI têm uma cobertura de rua e transportes em Lisboa, sobretudo zonas centrais e premium da cidade tendo um total de 51 posições (33% em rua e 67% indoor). O TOMI é dos produtos com maior sucesso e é dos mais completos a nível de Data que nos fornece. Todos os meses são analisadas todas as informações recolhidas pelos TOMIs e somos capazes de tirar insights relevantes sobre a cidade, os consumidores e as campanhas que estão on air 

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e fique a par das novidades.